O Google acabou de liberar mais um relatório em seu painel no Google Search Console. Desta vez o novo relatório lhe permite validar os dados estruturados de seu breadcrumb e saber se a implementação está correta ou se ainda precisa de ajustes.

Se o Search Console detectar erros na implementação da marcação do breadcrumb, ele identificará o que está faltando na marcação e apontará o que precisa ser ajustado, para que você possa corrigi-lo.

Aparentemente este novo relatório ainda não foi liberado de maneira global, pelo menos nas contas que passei nestes últimos dias, não localizei. Me certifiquei de avaliar em domínios pequenos, grandes e que de fato, possuíssem os dados estruturados no breadcrumb. 

Resumidamente ainda você precisará aguardar se quiser utilizar este novo relatório. Pois assim como este, existem outros relatórios e funcionalidades já liberadas lá, que ainda, infelizmente, não temos aqui.

O novo relatório se encontra no menu lateral esquerdo na sessão de "melhorias", logo abaixo ao relatório AMP.

Como faço para validar?

Caso você ainda não tenha este relatório em seu Search Console, não se preocupe, pois você ainda pode utilizar a ferramenta direta de validação de dados estruturados do Google. Com ele, basta jogar a URL de seu domínio e a ferramenta vai rastrear, identificar e lhe trazer não só os dados estruturados do breadcrumb, mas uma lista sobre todos marcações implementadas na URL inspecionada.

Caso você tenha algum dado estruturado errado ou faltando informações obrigatórios, você saberá. O validador apresentará um aviso ou um erro e você poderá verificar o que precisa ser feito para ajustar e deixar a sua marcação correta.

Por que eu devo utilizar?

Quanto mais informações você passar ao Google melhor para você e seu site. Você passa a ter mais chances de aproveitar snnipts dos mais diversos tipos nos resultados das buscas orgânicas. Além do mais, só de você se preocupar em passar mais infos, você já terá um fator a frente dos concorrentes que não possuem.

Caso você utilize os dados estruturados do breadcrumb em seu site, você tem a possibilidade de ter um diferencial nos resultados do Google quando seu site é impresso. Veja na imagem abaixo, onde temos um resultado com os dados estruturados do breadcrumb. 

Veja que ele acaba trazendo todo mapa e arquitetura de seu site, facilitando para o usuário, fazendo com que ele saiba, de maneira simples e objetiva, o caminho que ele teria percorrido no seu site até chegar nesta página que ele vai acessar, sem que ele tenha que percorrer todas estas etapas pelo seu site até a página final. 

Por exemplo, vamos pensar em duas hipóteses. A primeira (utilizando esta imagem acima como referência), o usuário já sabe o tamanho (10 kg) da máquina de lavar que ele precisa, mas ele ainda está indeciso pela marca, precisa avaliar o fator preço, entre outras coisas. Para ele, este resultado é extremamente interessante, pois note que a arquitetura/estrutura da URL está perfeita.

Agora em uma segunda hipótese. Digamos que este mesmo usuário, agora já saiba o tamanho e a marca que ele quer, agora precisa escolher o modelo com que mais lhe agrada. Veja que neste exemplo abaixo, eu tenho um "BUSCA" / MÁQUINA DE LAVAR BRASTEMP 10KG. De maneira rápida o usuário pode identificar que sua página poderá apresentar a ele todos os modelos disponíveis de máquinas de lavar da brastemp de 10 kg.

Dica Quente!

Uma dica que quero compartilhar com todos sobre o breadcrumb é que tomem cuidado com arquiteturas muito profundas, pois isso acaba dificultando o rastreamento de todas suas páginas a curto prazo, principalmente se seu site ou sua loja é nova.

Analise bem a arquitetura de informação e estrutura das URLs pois você deve aproveitar o espaço que tem! Veja este exemplo acima, você não precisa utilizar longtails como "MÁQUINA DE LAVAR ROUPAS", utilize só "MÁQUINA DE LAVAR" e você ainda ganha espaço para um próximo diretório como os "10KG".

Galera eu não vou ficar aqui repetindo o que o Google faz e fala para fazer, isso já virou clichê. Mas para fechar este conteúdo com mais uma dica quentíssima!

Pense no usuário, assim como no caso deste resultado que você viu acima do Shoptime. Esta URL que está na primeira página dos resultados orgânicos do google para máquina de lavar 10kg - muito difícil dela subir! Sabe por quê? Os resultados que estão acima estão corretos, poderiam ser mais bem aproveitados, mas estão mais corretos do que este da Shoptime.

Veja: Eu pesquisei "máquina de lavar 10kg" eu não especifiquei a marca X ou Y, muito menos Electrolux. Você compreende que para a minha intenção de pesquisa, este resultado acaba sendo menos relevante do que este abaixo?

Notou a relação, intenção de usuário a partir da pesquisa e os resultados? Você percebe que de maneira simples você consegue utilizar o breadcrumb a seu favor?

É isso galera!

Um forte abraço!