Qualquer campanha de marketing ou comunicação precisa ter um público-alvo muito bem definido para que seja bem-sucedida. Atirar para todos os lados é um comportamento provadamente ineficaz e que já ficou para trás. Hoje em dia, é preciso saber bem em quem investir para que não haja perdas financeiras, sem o retorno esperado.

Por isso, a segmentação do público é tão importante, e há vários fatores de segmentação que podem ser utilizados, como renda, escolaridade, gênero, idade e geolocalização. A localização geográfica é importante, pois o marketing local permite impactar apenas as pessoas mais próximas da empresa e que, consequentemente, são as que têm maior probabilidade de fechar negócio. Se eu vendo carros apenas em São Paulo, não faz sentido anunciar no Rio de Janeiro, por exemplo.

A hiperlocalização

Em geral, as atuais ferramentas de marketing permitem que sejam realizadas segmentações por raios, que variam em quilômetros. No entanto, uma tendência que tem sido identificada é a segmentação hiperlocal, estratégia que aborda o público de interesse em raios mais curtos, por vezes de até 100 metros. Isso possibilita uma maior assertividade e objetividade ao impactar as pessoas. Essa estratégia pode ser especialmente benéfica para supermercados, escolas, restaurantes, entre outros negócios locais.

Vantagens

Como esses estabelecimentos comerciais são mais locais e menos abrangentes, a segmentação hiperlocal permite concentrar esforços em quem está realmente próximo do negócio, evitando que sejam gastos tempo, dinheiro e esforços com quem está mais distante.

Além disso, como esses estabelecimentos são frequentes nos bairros, esse tipo de segmentação permite que os comerciantes locais deem um passo à frente da concorrência.

Formatos, personalização e tecnologia

Não necessariamente você estará estabelecendo comunicação apenas com quem reside no local. A popularização dos smartphones permite abordar também quem trabalha ou simplesmente estiver passando nas proximidades do local. Os aplicativos, serviços de mensagens e as próprias redes sociais podem ser as plataformas para estabelecer esse contato. Há configurações de privacidade que, quando habilitadas, permitem que as pessoas recebam notificações no exato momento em que estiverem perto do estabelecimento. É o momento perfeito para anunciar uma promoção especial ou um lançamento, por exemplo.

Textos curtos, vídeos e imagens são apenas algumas das possibilidades de comunicação nesse contexto. Vale a pena ser criativo para impactar essas pessoas que estão ali do lado da loja. Outra dica interessante para impulsionar os negócios é apostar em mensagens personalizadas, com base no perfil do cliente. Essa ação, no entanto, requer um conhecimento aprofundado sobre o público e seus hábitos.

Contexto

Como mencionamos em um dos posts anteriores, o contexto é uma importante  tendência em marketing para 2018. Aproveitar a segmentação hiperlocal é um meio de aproveitar o contexto, sendo mais relevante e assertivo e menos invasivo com o público. É uma grande aposta para o futuro do marketing digital, com a promessa de tornar mais bem-sucedidos os comércios locais.